subject
Ed. Moral, 19.08.2017 09:41 alice4349

Leia o texto abaixo.
art. 140 - injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro: pena - detenção, de um a seis meses, ou multa.
¬ß 3¬ļ se a inj√ļria consiste na utiliza√ß√£o de elementos referentes √† ra√ßa, cor, etnia, religi√£o, origem ou a condi√ß√£o de pessoa idosa ou portadora de defici√™ncia (reda√ß√£o dada pela lei n¬ļ 10.741, de 2003): pena - reclus√£o de um a tr√™s anos e multa. (inclu√≠do pela lei n¬ļ 9.459, de 1997).
este texto pertence
a.
ao código penal italiano.
b.
a constituição portuguesa.
c.
ao código penal brasileiro.
d.
a constituição brasileira.
e.
ao código penal norte-americano.

Respostas
Respostas: 1

Outra pergunta: Ed. Moral

question
Ed. Moral, 16.08.2019 20:45
Portfólio quintessência pronto 61 993827342 exclusivo é sem risco de plágio.
Respostas: 1
question
Ed. Moral, 23.04.2014 21:20
Ser ou n√£o, eis a quest√£o! ser√° que todos sabem mesmo o que √© ser √©tico nos dias atuais? hoje vou come√ßar falando sobre um tema que, por mais debatido que seja, nunca est√° desgastado: √©tica. a defini√ß√£o da √©tica √© √ļnica, surgindo na gr√©cia antiga e perpetuando-se ao longo dos anos na filosofia. o significado da palavra continua sendo o mesmo, sempre, mas a pr√°tica parece ter mudado com o tempo. hoje em dia vejo certa dificuldade quando nos perguntamos: afinal, o que √© ser √©tico? at√© que ponto pensamos estar agindo de maneira √©tica? e quando n√£o estamos? ser √©tico √© respeitar leis, normas e regras? no entanto, se n√£o nos identificamos com essas, devemos segui-las? √© fazer o que julgamos ser correto, n√£o indo contra os nossos pr√≥prios princ√≠pios? mas o que realmente √© correto? ser√° que os seus princ√≠pios s√£o iguais aos de todos? ou seria apenas ter a consci√™ncia limpa? enfim, a complexidade do meu questionamento inicial n√£o est√° associada simplesmente √† discuss√£o do conceito em si, mas sim ao contexto de cada situa√ß√£o. o agir de forma √©tica √©, muitas vezes, balizado pela consequ√™ncia dos atos. isso quer dizer que n√£o √© uma tarefa muito dif√≠cil reconhecermos fundamentos morais b√°sicos e inviol√°veis, como matar, roubar etc., pois a consequ√™ncia de tais a√ß√Ķes √© instant√Ęnea e pr√≥xima. mas, e quando n√£o √©? ser√° que baixar m√ļsica na internet √© anti√©tico? e entrar no cinema com carteira de meia entrada falsificada? ou ent√£o comprar um dvd pirata? que mal esses atos provocam em algu√©m? fonte: dispon√≠vel em: < acesso em: 18 mar. 2014.o texto intitulado ser ou n√£o, eis a quest√£o! ser√° que todos sabem mesmo o que √© ser √©tico nos dias atuais? foi extra√≠do da revista online exame e sua leitura permite que sejam ponderadas atitudes √©ticas ou n√£o, principalmente pela consequ√™ncia de tais atos e n√£o pelo conceito imediato do termo √©tica. ao final do √ļltimo par√°grafo s√£o apresentados alguns questionamentos: "ser√° que baixar m√ļsica na internet √© anti√©tico? e entrar no cinema com carteira de meia entrada falsificada? ou comprar um dvd pirata? " para confrontar a ideia do que √© l√≠cito daquilo que tem consequ√™ncia prejudicial para algu√©m. tendo como base estas considera√ß√Ķes, produza um par√°grafo se posicionando acerca da rela√ß√£o entre √©tica, atitude e consequ√™ncia.
Respostas: 1
question
Ed. Moral, 09.03.2014 18:02
Você aprendeu que a dignidade humana é um valor em si mesmo. fundada no conjunto de direitos inerentes à pessoa. cite exemplos de pessoas ou grupos que se encontram privados deste direito:
Respostas: 1
question
Ed. Moral, 02.08.2017 08:00
Como era o dia a dia de uma criança negra que vivia na casa grande
Respostas: 1
Você sabe a resposta certa?
Leia o texto abaixo.
art. 140 - injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro: pena...
Perguntas
question
Português, 20.04.2020 23:48
question
Física, 20.04.2020 23:48
question
História, 20.04.2020 23:48
question
História, 20.04.2020 23:48
question
Física, 20.04.2020 23:48
Perguntas no site: 14816508