subject
Filosofia, 25.10.2015 00:25 1lauraa1

4. leia o trecho abaixo:
averr√≥is. ‚ÄĒ algo mais aristot√©lico √© averr√≥is, de c√≥rdoba [ibn roschd] (+ 1198); porque para ele as intelig√™ncias devem o ser a um ato criador. tamb√©m o mundo prov√©m de deus, mas √© eterno. e tamb√©m pensa ele que as intelig√™ncias movem as esferas, sendo a √ļltima a do intellectus agens; e este, sendo for√ßa c√≥smica, ao mesmo tempo move a lua. o intellectus agem √© tamb√©m s√≥ um para todos os homens, de modo que para cada homem nem h√° uma alma pr√≥pria substancial nem imortalidade pessoal. s√≥ √© imortal a alma da humanidade. a mat√©ria √© igualmente eterna e encerra em si muitas possibilidades e formas. a sua atua√ß√£o (extractio) causa o devir no processo da natureza e do mundo. (adaptado ‚Äď dispon√≠vel em: - acesso em: 09 set. 2015)
o pensamento de averróis exposto acima causou uma grande polêmica na idade média a ponto de tomas de aquino escrever o de unitate intellectus contra averroistas. tal doutrina é conhecida como:
a) monofisismo. doutrina cristã que afirma que jesus cristo possuía apenas a natureza divina.
b) pante√≠smo. cren√ßa de que deus e todo o universo s√£o uma √ļnica e mesma coisa e que deus n√£o existe como um esp√≠rito separado.
c) deísmo. uma posição filosófica naturalista que aceita a existência de um deus (criador ou não) através da razão.
d) monopsiquismo. a crença de que todos os seres compartilham uma e mesma alma (ou mente) eterna.

Respostas
Respostas: 1

Outra pergunta: Filosofia

question
Filosofia, 15.08.2019 00:07
Interpreta√ß√£o da letra e clipe da m√ļsica dois cora√ß√Ķes de merlin‚Äč
Respostas: 2
question
Filosofia, 15.08.2019 00:05
Quais os √Ęmbitos que envolvem os seres humanos?
Respostas: 3
question
Filosofia, 14.08.2019 23:54
Resumo as origens do pensamento filosófico
Respostas: 1
question
Filosofia, 15.08.2019 03:35
o termo "subjetividade", expresso no t√≠tulo do texto, remete ao paradigma cartesiano do "pen- sador solitario", marco para a reflex√£o do conhe- cimento e da moralidade no pensamento filos√≥- fico moderno. sobre o paradigma da subjetividade, instaurado na modernidade, considere as afirmativas a seguir: 1. constitui-se em inst√Ęncia de valoriza√ß√£o da raz√£o instaurada no sujeito, como meio de assegurar a objetividade do conhecimento e dos pressupostos normativos secularizados. ii. demarcou a separa√ß√£o entre sujeito e obje- to, valorizando a capacidade cognitiva do primeiro para conhecer o segundo e estabe- leceu a estrutura paradigm√°tica do conheci- mento cient√≠fico. iii. dep√īs a estrutura metaf√≠sica do pensar medie- val, trazendo √† tona o antropocentrismo e a emerg√™ncia do iluminismo em defesa da raz√£o. iv. assegurou √† raz√£o, enquanto inst√Ęncia cri- tica e reflexiva, a capacidade de acesso √†s verdades transcendentes e aos valores fun- damentais do ser humano por meio da ilumi- na√ß√£o divina.
Respostas: 3
Você sabe a resposta certa?
4. leia o trecho abaixo:
averr√≥is. ‚ÄĒ algo mais aristot√©lico √© averr√≥is, de c√≥rdoba [ibn rosc...
Perguntas
Perguntas no site: 14825267