subject
Português, 14.05.2020 01:43 pohameeeeu

LER E NÃO ENTENDER (E NÃO DESCONFIAR ETC.)
que toda vaca voa
ando
Toda vaca voa. Mimosa voa, portanto
n√£o equivale a dizer que tudo o que
se diz que toda vaca voa e que Min
do muito, dizer que Mimosa talvez seja um
Qual-
ve situação do Brasil no que diz respeito à comp
Lemos e entendemos o que queremos
mosa voa, portanto Mimosa e vaca, certo? Errado, caro leitor. Dizer que toda va
er que tudo o que voa é vaca. Se toda vaca voa e Mimosa é vaca, Mimosa voa. Mas
ca voa e que Mimosa voa, n√£o se pode deduzir que Mimosa seja uma vaca. Pode-se.
Mimosa talvez seja uma vaca. Talvez, nada mais do que talvez.
entemente, grandes figuras de nossos jornais e revistas escreveram sobre relatonos que apontam a gra
do Brasil no que diz respeito à compreensão de textos. Não sabemos ler. Lemos e não entendemos
ndemos o que queremos. Raciocinamos como ostras e montamos rela√ß√Ķes l√≥gicas absurdas
mana passada, por exemplo, um texto em que discute o emprego da vírgula, afirmei que, se fosse
verdad
era a tese de que, "virgula é para respirar", os asmáticos colocariam virgula depois de cada palavra
escrita. Um leitor (cujo nome n√£o revelarei, por dever crist√£o) perdeu preciosissimo tempo para insultar-me,
dizendo que eu não deveria atrever-me a falar do que não conheço. "Minha avó, que é asmática, lê muitíssimo
bem", disse o gênio. E quem disse que asmáticos não sabem ler?
Outro leitor me pediu ajuda. Diz ele que, ao ler o caderno da filha, percebeu que a professora tinha inverti-
do a ordem de um famoso pensamento de Maquiavel. Em vez de "Os fins justificam os meios", a mestra escre-
veu "Os meios justificam os fins". O leitor diz que enviou um bilhete à professora, mostrando-lhe o equivoco.
Na aula, comentando o bilhete, a professora teria dito que, no caso, a ordem n√£o muda nada. (...) ‚Äč

Respostas
Respostas: 2

Outra pergunta: Português

question
Português, 15.08.2019 00:35
Me ajudem a achar as seguintes figuras de linguagem: metafora,compara√ß√£o e personifica√ß√£o! musica: ouvi dizer papapaparapapapa √ī√īu√ī√ī √ī√īu√ī√ī ah se eu acordasse todo dia com o seu bom dia de tanto caf√© na cama faltariam xicaras me atrasaria s√≥ pra ficar de pregui√ßa se toda arte se inspirasse em seus tra√ßos ent√£o qualquer esbo√ßo viraria um quadro monaliza com voc√™ tudo fica t√£o leve que at√© te levo na garupa da bicicleta o preto e branco tem cor a vida tem mais humor e pouco a pouco o vazio se completa o errado se acerta o quebrado conserta e assim, tudo muda mesmo sem mudar a paz se multiplicou que bom que voc√™ chegou pra somar ouvi dizer que existe paraiso na terra e coisas que eu nunca entendi coisas que eu nunca entendi s√≥ ouvi dizer que quando arrepia j√° era coisas que eu s√≥ entendi quando eu te conheci
Respostas: 2
question
Português, 15.08.2019 00:33
Texto de 25 linhas com os adjetivos sublinhados
Respostas: 1
question
Português, 15.08.2019 00:26
  estado de conclus√£o da pergunta: pergunta 1 ao longo da unidade estudamos sobre os g√™neros discursivos e como eles afetam diretamente as rela√ß√Ķes humanas e de comunica√ß√£o no que diz respeito ao uso da l√≠ngua. sabemos que diversos fatores influenciam diretamente na maneira como um indiv√≠duo se comunica, e isso varia de acordo com sua cultura, cria√ß√£o, meio em que vive, situa√ß√£o classe econ√īmica e n√≠vel de escolaridade.    o brasil √© um pa√≠s de grande extens√£o e, dessa forma, permite que existe uma grande pluralidade de povos. estes, mesmo falantes da l√≠ngua portuguesa, continuam tendo suas pr√≥prias maneiras de fal√°-las ou express√°-las.    sabemos ainda que os g√™neros discursivos sofrem varia√ß√Ķes quanto ao uso da l√≠ngua formal ou informal. um mesmo indiv√≠duo pode abarcar em sua comunica√ß√£o diferentes varia√ß√Ķes, como, por exemplo, quando este tem que se expressar durante uma reuni√£o de trabalho (l√≠ngua formal) ou em uma comemora√ß√£o com amigos (l√≠ngua informal).    diante deste contexto, identifique diferentes g√™neros discursivos presentes na nossa l√≠ngua e como eles se transformam de acordo com o emprego em diferentes contextos sociais e geogr√°ficos de comunica√ß√£o, verificando em qual campo estes g√™neros se alocam mais tipicamente, se no formal ou no informal.    a partir dessa reflex√£o, ent√£o, eleja uma regi√£o do brasil e cite alguns exemplos de atos de preconceito lingu√≠stico que os povos da regi√£o sofrem e o que isso reflete na em sua viv√™ncia e comunica√ß√£o na sociedade, articulando com sua exposi√ß√£o acerca dos g√™neros discursivos.‚Äč 
Respostas: 3
question
Português, 15.08.2019 00:21
8-leia a tirinha √© responda as quest√Ķes abaixo: a) o que a utiliza√ß√£o destes modos influenciaram para o melhor entendimento do texto? b) o modo √© atitude do falante em rela√ß√£o ao que foi dito. pesquise os tr√™s modos verbais e d√™ exemplo de cada um deles. c) em falas de mafalda, ela utiliza quais modos verbais? d) por que a mafalda chama seu amigo de macabro? e) o uso da linguagem foi adequada para o contexto desta tirinha? por que?
Respostas: 1
Você sabe a resposta certa?
LER E NÃO ENTENDER (E NÃO DESCONFIAR ETC.)
que toda vaca voa
ando
Toda vaca voa. Mimo...
Perguntas
question
Matem√°tica, 11.05.2021 22:40
question
Matem√°tica, 11.05.2021 22:40
question
Português, 11.05.2021 22:40
Perguntas no site: 24628275